Meio ambiente: Ahh, o verão… e suas pragas!

O verão é a época do Sol, do calor, da umidade e… dos insetos! Sim, pois essa estação propicia as condições mais favoráveis para a reprodução de diversas pragas como mosquitos, baratas, formigas ou cupins com asas – aqueles que parecem brotar ligeiros pelas frestas de nossas casas sem pedir permissão. Tratando-se ou não de espécies vetores de doenças, é inegável que sua presença é bastante incômoda. Mas quem é o invasor, afinal? Os números mostram que, para eles, é o homem que representa o ser estranho no seu habitat natural.

Estima-se que haja mais de 3 mil espécies de cupins no mundo, sendo 500 delas somente no Brasil. Ainda que você não saiba identificá-los entre as espécies mais conhecidas – cupim subterrâneo, cupim de madeira ou brocas de madeira (besouro) –, existem centenas de suas espécies que habitam as regiões brasileiras há milhares de anos, resistindo ao tempo, aos desmatamentos e aos processos de urbanização.

É verdade que os cupins danificam madeiras, alguns tipos de plástico ou de gesso, mas poucas de suas espécies causam prejuízos mais graves à saúde do homem ou às suas construções e plantações. Eles possuem, inclusive, um papel importante no ciclo ecológico ao contribuir com a reciclagem de nutrientes nas florestas, a partir da decomposição de folhas e árvores caídas no chão, além de equilibrar a cadeia alimentar. Dessa forma, para impedir a entrada desses e dos outros visitantes indesejados em casa, é suficiente o uso de telas em portas e janelas, que resolvem o problema sem interferir na ventilação natural do ambiente. Aerossóis, repelentes, iscas e produtos injetáveis em prateleiras e portas também ajudam a espantá-los.

Estes pequenos insetos, no entanto, tornam-se inofensivos se comparados a outro tipo de “ataque” neste período mais quente do ano. Um quadro de alerta é sempre anunciado pelo Instituto Butantan (SP) e comprovado pelas estatísticas do Hospital Vital Brazil (HVB), que, desde 1945, presta assistência gratuita a pacientes vítimas de acidentes com animais peçonhentos.

Devido à maior quantidade de chuvas e alagamentos, estes animais, assim como as pessoas vítimas de enchentes, também ficam sem abrigo e desorientados, saindo de suas tocas ou refúgios para o contato com a população. Neste caso, os mais comuns, temidos e perigosos no território brasileiro são espécies de serpentes, aranhas e escorpiões. Como estes acasos são mais frequentes no ambiente rural, as atividades agrícolas e a prática do ecoturismo – principalmente nas regiões Norte e Centro-Oeste do país – podem facilitar situações de risco para o incidente ofídico (cobras).

COMO IDENTIFICAR UMA COBRA VENENOSA

 

VENENOSA

NÃO VENENOSA

CABEÇA

triangular

arredondada

OLHOS

pequenos

grandes

FOSSETA

tem

não tem

DESENHOS DAS ESCAMAS

irregulares

simétricos

CAUDA

afina rapidamente

afina gradativamente

DENTES

2 presas

dentes pequenos e iguais

PICADA

2 marcas mais profundas

orifícios pequenos e iguais

Você sabe o que fazer em caso de uma picada de animal peçonhento? Clique aqui.
Para receber outras orientações em casos de emergência deste tipo (ou para doar um animal peçonhento capturado), é possível falar com o Instituto Butantan por este telefone com atendimento 24h/dia: (11) 3726 7962 ou pelo site: http://www.butantan.gov.br


Anúncios

2 thoughts on “Meio ambiente: Ahh, o verão… e suas pragas!

  1. Excelente matéria, e muito propícia tambem, ja que o verão esta aí, e nao podemos pensar e cuidar somente do bronzeado ou atentar para o bikini esta combinando!

    Ainda bem que podemos contar com toda intelectualidade da Jess, que vem nos alertar quanto aos perigos por trás do verão…

    Continue assim jéssica, beijos.

    • Concordo Rodrigo. Ainda bem que podemos contar com a Jéssica para nos informar sobre os problemas “desconhecidos” trazidos pelo verão e, também, sobre uma série de outros aspectos relacionados ao meio ambiente. Sempre com perspectivas bastante interessantes sobre o tema, ela consegue tornar novidades assuntos que, muitas vezes, já nos parecem óbvios.

      É por isso que tenho muito orgulho da minha namorada. Ela é fantástica!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s