Ressuscitando mortos e enterrando esperanças

Há 30 anos chegava às lojas o primeiro Compact Disc. O CD 52nd Street, do pianista e cantor Billy Joel, lançado no dia 1º de outubro de 1982, pode não ser uma obra inesquecível, mas marcou o fim das fitas cassetes e vinis. Esse, no entanto, não é o melhor dos aniversários, já que o CD está passando por uma crise de identidade – no ano passado, as vendas de álbuns caíram 13%, situação também observada nos Estados Unidos, onde a queda foi de 6% no mesmo período.

Mas há quem ainda se lembre com saudosismo do aguardado momento em que um CD era lançado. Há 17 anos, milhares de pessoas ouviam (What’s the Story) Morning Glory?, segundo álbum do Oasis. Lançado no dia 2 de outubro de 1995, ele se tornaria o terceiro álbum mais vendidos da história do Reino Unido e eternamente lembrado como um dos lançamentos mais importantes do Britpop. Aproveitem para ouvi-lo na íntegra:

Apesar da redução do número de CDs vendidos, o grupo ABBA tem motivos para comemorar. Gold, uma compilação dos maiores sucessos da banda sueca, é, de acordo com a The Official Charts Company, o álbum mais vendido em formato CD no Reino Unido. Lançado há 20 anos, 4,04 milhões de cópias já foram vendidas.

A dona da 4ª posição da lista dos mais vendidos no Reino Unido, Amy Winehouse, com Back To Black (3,23 milhões de cópias), foi “ressuscitada” essa semana. Amy foi mais uma das vítimas da indústria de hologramas, que já trouxe aos palcos 2Pac e Elvis Presley. A inglesa voltou à vida no clipe de Life is Good, do rapper Nas, que é uma das atrações do Lollapalooza 2013.

Por falar em Lollapalooza 2013, outra atração confirmada é o Pearl Jam. A banda de Seattle lançava há 21 o principal CD da sua carreira, Ten. No mesmo ano, uma série de álbuns inesquecíveis chegaram às prateleiras: Nevermind, do Nirvana, Out of Time, do R.E.M., Blood Sugar Sex Magik, do Red Hot Chili Peppers, Use Your Illusion I e II, do Guns ‘n’ Roses, e Gish, do Smashing Pumpkins.

A lista está cheia de bandas que já partiram dessa para a melhor. Essa semana, notícias sobre o finado grupo de Morrissey & cia, The Smiths, que “encerrou atividades” há 25 anos, foi motivo de tristeza para os fãs. Uma suposta reunião do grupo foi refutada tanto por Morrissey quanto pelo empresário do guitarrista Jonny Marr. Sem chances de um revival no festival Coachella, como estava sendo ventilado.

Outra banda que chegou a um fim – mesmo que só por um período indeterminado -, foi o Foo Fighters. A notícia foi dada pelo vocalista, criador da banda e antigo baterista do Nirvana, Dave Grohl, na página do Facebook da banda.A mensagem pode ser lida aqui.

Ufa! Foi uma semana e tanto! Para fechar, aproveitem para ouvir Janis Joplin, que há exatos 42 anos foi encontrada morta no Landmark Hotel Hollywood, em Nova Iorque. Apesar de curta, a carreira de Janis foi muito bem sucedida. Antes de se tornar a “rainha do rock’n roll, ela foi vocalista da banda Big Brother and the Holding Company, que lançou álbuns em 1967 e 1968.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s